Índice de Perguntas ||| Quackwatch em português

Ervas Podem Ajudar a Induzir a Lactação?

Timothy Gorski, M.D., FACOG

Pergunta

Fui recentemente aconselhada a combinar um certo de número de ervas na forma de chá para ajudar a estimular a lactação. As ervas são, em partes iguais: erva-doce, feno-grego, borragem, cardo sagrado, framboesa vermelha. Isso é seguro? Tem algum efeito colateral? Alguma outra sugestão? Estou tentando induzir lactação para um filho adotivo que chegou em agosto.

Pergunta

Não há nenhuma evidência que qualquer uma dessas substâncias possa induzir a lactação. Elas são provavelmente seguras -- para você -- mas se você pretende produzir leite (e de qualquer fora seria improvável que isto fosse causado por essas ervas) é seguro dizer que seus constituintes podem ser detectados no leite materno. A segurança disso é desconhecida, embora provavelmente com a erva-doce estaria tudo bem. Usamos chá fraco de erva-doce para cólicas em nossos próprios filhos quando eram crianças.

Há evidência de que o tratamento hormonal usando esteróide e hormônios sexuais pode ser eficaz em induzir a lactação em mães adotivas. Uma grande parte disso incluí a estimulação física dos seios, tanto antes como durante a amamentação do bebê. Também existem aparelhos projetados para oferecer leite de fórmula durante a amamentação os quais têm sido úteis. Penso que esta seria sua melhor escolha se você está altamente motivada e deseja prosseguir com isso. Como você pode ou não saber, há questões não resolvidas com respeito ao risco de câncer de mama que ter a haver com a idade da primeira gravidez e das mudanças hormonais dela resultante. Tentar mimetizar essas mudanças artificialmente (as quais qualquer erva também teria feito se "funcionasse") pode envolver riscos similares, especialmente se você nunca teve um filho e está agora com 35 de idade ou mais. 

Uma vez que isso é algo que não aparece com freqüência, é improvável que você encontre médicos que tenham muito conhecimento ou interesse nisso. Sua melhor escolha seria começar fazendo alguns telefonemas e encontrar um obstetra/ginecologista e/ou um endocrinologista que estaria disposto a trabalhar com você. Se há uma faculdade de medicina ou um programa de treinamento médico em sua área, recomendaria que você iniciasse por lá.. 

Tive uma outra pessoa no passado que queria induzir lactação antes de adotar um recém-nascido mas no fim ela decidiu não prosseguir com isso. E este, infelizmente, é o problema real: há tão poucos exemplos de pessoas que desejam fazer isto, e assim informações fidedignas sobre métodos e sua eficácia são escassas. Se eu tivesse uma chance de tentar isto com alguma de minhas pacientes, certamente faria um esforço para publicar os resultados como um relato de caso. 

Antes de pegar a rota das ervas, peça a quem quer que esteja fazendo estas recomendações para você que providencie evidência publicada comprovando suas alegações. Duvido que eles serão capazes de fazer isso. Mas se trouxerem algo, estaria interessado em saber a respeito.

______________

Dr. Gorski exerce obstetrícia e ginecologia em Arlington, Texas, e é presidente da Greater Dallas-Fort Worth Council Against Health Fraud.

Índice de Perguntas ||| Quackwatch em português

1