Quackwatch em português ||| Leituras da IstoÉ: Nivelando por Baixo

A Enganosa Reportagem da Newsweek
sobre "Medicina Alternativa"

William M. London, EdD, MPH

Em sua edição de 2 de dezembro de 2002, a revista Newsweek publicou uma reportagem mal concebida sobre "A Ciência da Medicina Alternativa." Em sua coluna "Editor's Desk", Mark Whitaker escreveu: "Temos orgulho de estar trabalhando com a Harvard Health Publications e seu editor-chefe, Dr. Anthony Komaroff, para trazer a você a melhor visão que nossa equipe de veteranos jornalistas da área da saúde e especialistas da Harvard têm a oferecer." Infelizmente, a melhor visão que oferecem é empacotada com propaganda promovendo noções falsas sobre medicina complementar e alternativa (MAC). Eis alguns dos problemas da reportagem da Newsweek.

A palavra "alternativa" pode sugerir "adequação para algum propósito" e/ou "compulsão para escolher". [7] Porém métodos duvidosos e irracionais não são adequados para seu propósito pretendido, e consumidores não devem sentir-se compelidos a escolhe-los. Em vez de tentar uma reportagem especial sobre "A Ciência da Medicina Alternativa", a Newsweek teria prestado um serviço melhor aos seus leitores revelando "A Pseudociência Promovida como Medicina Alternativa". Como o Drs. Marcia Angell e Jerome Kassirer alertaram em um editorial de 1998 no The New England Journal of Medicine:  "Não pode haver dois tipos de medicina -- a convencional e a alternativa. Existe apenas a medicina que foi adequadamente testada e a medicina que não foi, a medicina que funciona e a medicina que pode ou não funcionar". [8]

Referências

  1. Gorski T. The Eisenberg data: Flawed and deceptive. Scientific Review of Alternative Medicine 3(2):62-69 1999.
  2. Green S, Sampson W. EDTA chelation therapy for atherosclerosis and degenerative diseases: Implausibility and paradoxical oxidant effects. Scientific Review of Alternative Medicine 6:17-22; 2002.
  3. Normile D. The new face of traditional Chinese medicine. Science 299:188-190; 2003.
  4. De Smet PAGM. Herbal remedies. New England Journal of Medicine 347:2046-2054, 2002.
  5. Barrett B. Medicinal properties of echinacea: A critical review. Phytomedicine 10:66-86, 2003.
  6. Gilroy CM. Echinacea and truth in labeling. Archives of Internal Medicine 163:699-704, 2003.
  7. Garner BA. A Dictionary of Modern American Usage. New York: Oxford University Press, 1998.
  8. Angell M, Kassirer J. Alternative Medicine -- The risks of untested and unregulated remedies. New England Journal of Medicine 339:839-841, 1998.

________________

Dr. London, ex-presidente do National Council Against Health Fraud (NCAHF), é um conselheiro do corpo docente do Programa de Mestrado de Ciência em Saúde Pública da Walden University. Este artigo foi modificado de uma série em 2 partes publicada no boletim do NCAHF.

Leituras da IstoÉ: Nivelando por Baixo ||| Quackwatch em português

Este artigo foi publicado no site original em 12 de julho de 2003.
Publicado em português em 06 de dezembro de 2003.
1